terça-feira, 7 de agosto de 2012

Robô da Nasa finalmente chega a Marte

Após oito meses, o jipe-robô Curiosity da Nasa finalmente chegou ao planeta vermelho.

Uma nave que leva o jipe-robô Curiosity da Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos, pousou com sucesso em uma cratera em Marte nesta segunda-feira dia 6.



O pouso é parte de uma missão não tripulada que estudará detalhadamente a possibilidade de ter havido vida no planeta. 



A nave conseguiu pousar no interior da Cratera de Gale por volta das 2h31 (horário de Brasília), com um conjunto inédito de procedimentos, usando um guindaste e cordas de náilon.



A descida pela atmosfera do planeta, após uma viagem de 570 milhões de quilômetros, foi chamada de "sete minutos de terror" em decorrência das manobras de elevado risco que reduziram a velocidade da nave permitindo que as rodas do jipe-robô tocassem a superfície da cratera suavemente.

O veículo deve executar a primeira fase de sua missão em 98 semanas, mas a expectativa é que continue suas pesquisas por cerca de uma década. Geradores de plutônio têm capacidade de fornecer calor e eletricidade por pelo menos 14 anos para a missão. É um sistema de geração de energia diferente do de outras missões que contaram com painéis de energia solar.



O jipe-robô está equipado com ferramentas que podem, entre outras coisas, perfurar rochas e coletar amostras de materiais do planeta. Os estudos começarão em uma montanha localizada no interior da cratera. Ele irá subir a montanha e estudará as pedras sedimentadas ali ao longo de bilhões de anos.

O veículo buscará indícios de substâncias que possam ter sido propícias à vida em Marte. Indícios da presença de água no passado de Marte foram detectados em estudos anteriores, feitos a partir de imagens do local.


Nasa divulga primeiro vídeo colorido de Marte após pouso do Curiosity

A agência espacial americana (Nasa) divulgou o primeiro vídeo com imagens coloridas do pouso do robô Curiosity em Marte, que ocorreu na segunda-feira (6) após uma viagem de oito meses e meio e 352 milhões de quilômetros.
São 297 quadros em stop-motion, em baixa resolução (192 por 144 pixels), que revelam os dois minutos e meio finais de descida do veículo ao planeta vermelho, quando o escudo térmico que protegia o jipe foi liberado, e também três segundos depois disso.



O robô é capaz de captar fotos coloridas por meio da câmera Mars Descent Imager (Mardi), que fica no chassi do veículo e registra tudo em uma resolução de 1.600 x 1.200 pixels, com cinco frames por segundo.
Agora, foram divulgadas imagens menores, mas ao longo dos próximos meses devem chegar outras bem definidas.
A missão do Curiosity inclui coletar e analisar rochas e materiais do solo em busca de elementos-chave para a vida.

O primeiro dia da missão, chamado pela Nasa de Sol 1, começou oficialmente na segunda-feira (6), e a missão toda deve durar pelo menos dois anos terrestres ou um ano marciano.



A foto aparece um pouco escura porque havia poeira sobre a tampa da lente, que é transparente e não será aberta pelo menos durante uma semana após o desembarque.A imagem abaixo foi feita com outra câmera, chamada Mahli e situada no braço do Curiosity, em um ângulo de 30 graus com o solo.

A Mahli vai registrar imagens em close, de alta resolução, tanto das rochas quanto da superfície do planeta. A câmera é capaz de se concentrar em qualquer alvo a uma distância que varia de 2 centímetros até o infinito



Na segunda-feira, no Laboratório Científico de Marte (MSL, na sigla em inglês), a chefe da missão, Jennifer Trosper, falou em uma coletiva de imprensa em Pasadena, na Califórnia, sobre as imagens feitas também pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter após a aterrissagem do Curiosity na Cratera Gale, ao sul do equador do planeta.



A câmera de alta resolução do orbitador de sete anos de idade flagrou o paraquedas do Curiosity sendo aberto, a uma distância de 340 quilômetros.

Para quem quiser acompanhar as aventuras do jipe-robô em Marte, há o site da missão e também o da Nasa. Nas redes sociais, os responsáveis pelo projeto também têm feito atualizações no Facebook e no Twitter.



Nenhum comentário:

Postagens mais acessadas